Foto : Nelson de Sousa

MANATUTO, 09 de junho de 2020 (TATOLI) – O Ministério da Justiça lançou hoje a emissão do passaporte eletrónico em dez municípios com o objetivo de agilizar o atendimento público.

Fazem parte destes dez municípios Manatuto, Baucau, Viqueque, Lautém, Aileu, Liquiçá, Ermera, Manufahi, Ainaro e Suai. Recorde-se que os municípios de Díli e Bobonaro e a Região Administrativa Especial Oé-Cusse Ambeno (RAEOA) já tinham lançado, no ano passado, o passaporte eletrónico.

“O lançamento de hoje constitui um passo importante para garantir a eficiência do atendimento ao público. Peço, por isso, a todos os cidadãos que tratem do passaporte no seu próprio município, em vez de o tratar em Díli”, referiu o Ministro da Justiça, Cárceres da Costa, no âmbito do lançamento do passaporte eletrónico, no Município de Manatuto.

O ministro apelou ainda aos responsáveis municipais que cuidassem de todo o material referente ao passaporte de modo a garantir que o atendimento ao público seja eficaz e eficiente.

O Diretor-Geral do Registo de Notariado, Crisogno da Costa Neto, afirmou, por seu turno, que a instalação do equipamento eletrónico do passaporte levado a cabo nos municípios está concluído e pronto para atendimento aos utentes.

O diretor esclareceu ainda que, apesar de o ministério ter efetuado o lançamento do passaporte eletrónico nos dez municípios, apenas Manatuto, Baucau, Viqueque e Lautém estão aptos a arrancar com o atendimento ao público. Nos restantes municípios, o passaporte não pode ainda ser emitido na medida em que os técnicos se estão a frequentar uma formação sobre a emissão deste documento.

Já o Administrador do Município de Manatuto, Fernando Júnior Sousa, aproveitou a ocasião para agradecer ao Governo o programa de lançamento do passaporte eletrónico, cujo objetivo é facilitar a aquisição do novo passaporte.

Na cerimónia de lançamento do passaporte eletrónico estiveram presentes, entre outros, o Secretário de Estado de Terras e Propriedades, Mário Ximenes, o Administrador do Município de Manatuto, Fernando Júnior Sousa, o Defensor Público Geral, Câncio Freitas, e Diretor do Serviço de Registo e Notariado dos municípios.

Jornalista : Nelson de Sousa
Editór : Francisco Simões

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here