Imagem da Embaixada do Japão.

DÍLI, 21 de dezembro de 2020 (TATOLI) – A Embaixada do Japão em Timor-Leste e a Organização Não Governamental Haburas Dezenvolvimentu Talentu (HADEZTA) assinaram um acordo para a construção de um posto de saúde no suco de Souro, Município de Lautém, financiado com 90.900 dólares americanos.

O apoio decorre do programa de assistência do Japão denominado “Fundo de Assistência à Segurança Alimentar” (GPP, em inglês).

O acordo foi assinado na Embaixada do Japão em Díli pelo Embaixador japonês em Timor-Leste, Masami Kinefuchi, e pelo Diretor da HADEZTA, Francisco de Araújo, na presença da Ministra da Saúde, Odete Belo.

O diplomata japonês elogiou os preparativos da organização HADETA para este projeto, considerando-o um ponto de partida. “O próximo esforço essencial implica garantir a construção do posto de saúde até ao final”, disse.

O embaixador pediu ainda às autoridades locais do Município de Lautém que apoiem o projeto após a sua construção.

“Espero que o projeto obtenha o máximo apoio e que, com o sucesso, venha prosperidade para Timor-Leste”, afirmou.

Já a Ministra da Saúde, Odete Belo, agradeceu o apoio desde o início do Executivo japonês e o facto de manter o seu compromisso em desenvolver Timor-Leste no setor da saúde.

O projeto do GPP tem como objetivo melhorar a qualidade dos serviços nos cuidados de saúde a toda a população das áreas remotas. O Governo do Japão decidiu ajudar na construção física do posto de saúde do suco de Souro, que será implementado, no próximo ano, pela HADEZTA.

O posto permitirá a 7.477 habitantes do suco de Souro acederem a serviços de saúde com qualidade.

Jornalista: Nelson de Sousa

Editor: Francisco Simões/Tradutora: Maria Auxiliadora

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here