DÍLI, 05 de abril de 2021 (TATOLI) – O Diretor do Serviço Autónomo de Medicamentos e Equipamentos de Saúde (SAMES), Santana Martins, disse que os equipamentos de combate à covid-19, sobretudo os de proteção individual (EPI), nas tendas de emergência do SAMES encontram-se inutilizados devido às cheias do passado domingo.

Santana Martins afirmou que os equipamentos danificados incluem chapéus, viseiras, máscaras, roupas, luvas, entre outros.

“Asseguramos que 100% dos medicamentos se encontra em boa condição. Temos problemas com os equipamentos, sobretudo os de proteção individual”, afirmou hoje o diretor do SAMES, em Díli.

O responsável referiu ainda que, no que toca ao valor do prejuízo em termos de danos em equipamento, o SAMES está ainda a preparar um relatório a apresentar às autoridades.

“Estamos a efetuar todos os esforços para salvarmos equipamento e continuarmos o atendimento aos pacientes. No entanto, de modo a garantir este atendimento, é necessária uma substituição dos produtos inutilizados”, disse.

O armazém central do SAMES e as câmaras para armazenar as vacinas contra a covid-19 encontram-se operacionais.

“O mais importante é a EDTL garantir a eletricidade. Temos apenas um gerador, que sofreu igualmente danos devido às cheias de ontem, mas que pode ser reparado. No entanto, precisamos de outro. Temos atualmente a alternativa de salvaguardar as vacinas noutro frigorífico e destacar uma equipa de vigilância de 24 horas”, afirmou.

Recorde-se que as cheias do passado domingo causaram a perda de vidas e a destruição de infraestruturas, incluindo três armazéns do SAMES.

Jornalista: Maria Auxiliadora

Editor: Zezito Silva

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here