As amostras de teste da covid-19. Imagem Tatoli/António Gonçalves.

DÍLI, 01 de setembro de 2021 (TATOLI) – Timor-Leste registou hoje mais cinco óbitos e 232 casos de covid-19.  Destes novos casos, 169 surgiram em Díli, 14 em Covalima e 49 em outros municípios.  Destes novos casos, 37,5% apresentaram sintomas. Há também a registar  247 recuperações.

As cinco pessoas que morreram não estavam vacinadas contra a covid-19, realçou o coordenador da Força Tarefa para a Prevenção e Mitigação do Surto de Covid-19 do Centro Integrado de Gestão de Crise (CIGC), Rui Araújo.

Uma das vítimas mortais foi um homem de 72 anos, residente em Díli. Segundo Araújo, o idoso acusou, a 30 de agosto, covid-19 e um Acidente Vascular Cerebral (AVC) hemorrágico. Recebeu tratamento no Hospital Nacional Guido Valadares (HNGV), mas acabou por falecer, por volta das 23h30.

Uma mulher de 59 anos, também residente em Díli, a quem, no dia 31 de agosto, foram  detetadas covid-19 e um Acidente Vascular Cerebral (AVC) isquémico, recebeu  tratamento no HNGV, mas morreu hoje de manhã, por volta das 10h00.

A outra morte diz respeito a um homem de 63 anos, residente em Díli, que no dia 29 deste mês ficou a saber que estava infetado com o novo coronavírus.   Diagnosticado também com  síndrome de insuficiência respiratória aguda,  faleceu, hoje ao meio-dia, por volta das 12h55.

Hoje de manhã, por volta das 06h00, também faleceu um homem de 72 anos, residente em Ainaro, no centro de saúde local, antes de ser transferido para o hospital de Maubisse.  A 30 deste mês foi-lhe diagnosticado covid-19 e síndrome de insuficiência respiratória aguda.

O novo coronavírus também tirou a vida a uma mulher, de 49 anos, com síndrome de insuficiência respiratória aguda. Residente em Covalima, faleceu ontem à noite, por volta das 19h15, na sala de isolamento de Vera Cruz, onde recebeu tratamento.

As famílias coordenaram-se com a equipa de saúde para realizarem as cerimónias fúnebres, de acordo com o protocolo do Ministério da Saúde e da Organização Mundial de Saúde (OMS).

O coordenador referiu ainda que os municípios de Baucau e Lautém registaram, cada um,  12 mortes, Viqueque oito, e Bobonaro seis.  Manatuto e a Região Administrativa Especial Oé-Cusse Ambeno (RAEOA) registaram, cada um, quatro vítimas mortais.  Em Aileu morreram duas pessoas e uma em Ermera.

O país reporta atualmente 4.480 infeções ativas do novo coronavírus. Desde o início da pandemia foram confirmados 16.941 casos, com um total de 72 óbitos e 12.363 recuperações.

O Laboratório Nacional de Saúde efetuou, desde ontem, 686 testes, sendo que 155 vêm no seguimento de pedidos de autorização para saída do município de Díli, 48 de vigilância de sentinela, 264 do rastreio de contactos, 126 de rastreios aleatórios, 24 para viagens internacionais e 69 a quem está de  quarentena.

Além disso, a equipa de saúde realizou, a 31 de agosto, 377 testes nos municípios, no HNGV e na RAEOA.

Atualmente, encontram-se  116 doentes nos centros de isolamento de Vera Cruz, Lahane e no HNGV – 16 graves, 64 moderados e 36 ligeiros.

Notícia relevante: Mais três óbitos, Díli com 119 novos casos – 239 recuperações

Jornalista: Isaura Lemos de Deus 

Editora: Maria Auxiliadora

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here