Ministro da Presidência do Conselho de Ministros, Fidélis Magalhães. Imagem/Francisco Sony.

DÍLI, 27 de outubro de 2021 (TATOLI) – O Governo aprovou hoje, em Conselho de Ministros, o prolongamento dos prazos para acesso à linha de crédito “Ensinu Superior Kualidade +”.

Segundo o Ministro da Presidência do Conselho de Ministros, Fidélis Magalhães, é possível às universidades privadas acederem ao crédito até ao final deste ano.

A extensão dos prazos resulta de uma alteração apresentada pelo Ministro do Ensino Superior, Ciência e Cultura, Longuinhos dos Santos, ao decreto-lei aprovado em maio.

A medida visa dar apoio financeiro às instituições de ensino superior privadas, respetiva garantia financeira e bonificação de juros.

As universidades privadas podem obter financiamento para a melhoria das condições e das infraestruturas, bem como para o aumento da capacitação dos recursos humanos.

“Visa também aumentar a competitividade e o reconhecimento internacional das instituições do ensino superior, fomentar a diversificação da oferta de cursos em áreas prioritárias e promover a descentralização territorial do ensino superior”, afirmou Fidélis.

O orçamento para a criação da linha de crédito está previsto na verba da recuperação económica do MESCC, com um montante de 2,5 milhões de dólares americanos.

Notícia relevante: Projeto da criação da linha de crédito “Ensinu Superior Kualidade +” aprovado

Jornalista: Isaura de Deus Lemos

Editora: Maria Auxiliadora

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here